Einstein era poeta
Conferência-performance sobre a relação entre a vida quotidiana, a ciência e literatura

Uma conferência que é espectáculo que não é uma coisa nem outra. A pose é de descontração digamos arrogante, no sentido divertido do termo. Um possível manifesto para aprofundar a dificuldade de não entender a vida a partir dos paradoxos. Assim de repente os temas são o medo e a aventura, a energia e a matéria, o capuchinho vermelho e a física quântica, a imaginação sensível e o ski olímpico, a biodiversidade, a realidade e a fantasia. Mais coisa menos coisa. Não querendo estragar o final, a chave está no capuchinho. Ou no lobo, claro, para quem acha que a coisa está preta. 

duração: 30/45 min. (conforme objectivos)  

lotação da sala

idade: adultos, mediadores de leitura, pais, professores, etc. 

OUTROS ESPECTÁCULOS 

duração: 40/60 min.  

lotação da sala

idade: adolesc/adultos

clique aqui para ver mais

duração: 30/60 min.  

lotação da sala

idade: adolesc/adultos

clique aqui para ver mais

duração: 30/45 min.  

lotação da sala

idade: alunos do secundário, mediadores de leitura, pais, professores 

clique aqui para ver mais